Confira 6 estratégias para aumentar a rentabilidade do negócio

6 minutos para ler

Qualquer negócio exige de seu gestor uma atenção especial quanto ao seu fluxo de caixa. Por meio dele, há a possibilidade de entender e analisar qual é o dinheiro gasto e quais são os recebíveis a partir de um determinado período estipulado.

Com o objetivo de que haja um bom registro dessas informações, existe a necessidade de ter disciplina, ferramentas que auxiliem durante o processo, além de capacitar os colaboradores quanto a isso.

Se você, a partir dessa análise, percebeu que os números não estão muito positivos, é preciso traçar estratégias para aumentar a rentabilidade do negócio. Pensando nisso, elaboramos este conteúdo para que você que conheça algumas. Boa leitura!

1. Segmente o público

Entender de maneira precisa sobre o seu público é o primeiro passo para que você possa traçar estratégias que aumentem a rentabilidade. Caso você esteja divulgando os seus produtos para quem não interesse quanto aos seus produtos, certamente os seus investimentos estão sendo em vão. Por essa razão, defina inicialmente quem é a sua persona — representação semi-fictícia de seu cliente ideal.

A partir disso, caso você tenha mais de uma devido ao mix de produtos, chegou o momento de segmentar o seu público. As ações de divulgação precisam ser diferenciadas, uma vez que quem consome determinado item busca por soluções diferentes.

Essa etapa será interessante ainda para quem deseja diversificar os seus produtos. De nada adianta oferecer uma quantidade significativa em seu negócio caso não haja interessados, concorda? Além disso, atender um grande número de clientes com necessidades distintas pode comprometer o seu atendimento, justamente por falta de foco.

2. Reduza custos

Apesar de parecer improvável, existe a possibilidade de reduzir custos sem comprometer a qualidade de seus produtos e de seu atendimento. O consumo de água e energia do negócio, por exemplo, pode vir muito acima daquilo que seria aceitável. Se você identificar esse gargalo, conscientize os seus profissionais e estabeleça uma meta de redução. Envolva-os nesse processo, inclusive oferecendo bonificações simbólicas caso o objetivo seja alcançado.

Além disso, caso exista alguns pagamentos pendentes com cobranças de taxas e tarifas bancárias, procure renegociá-las. Com uma boa argumentação, você conseguirá reduzir alguns dos custos cobrados e ainda deixar o negócio longe do vermelho.

Tenha, ainda, um bom planejamento para qualquer ação que for executar. Vai fazer uma promoção para um período sazonal? Estude as possibilidades. Confira o que é viável reduzir os preço e entenda se o aumento das vendas vai compensar a mudança feita.

3. Aumente a produtividade

Aumentar a produtividade de seus profissionais contribui para que eles permaneçam em seu negócio, além de ser uma possibilidade de aumentar a rentabilidade. Entre as vantagens de estabelecer estratégias nesse sentido, destaca-se:

  • redução da taxa de turnover — rotatividade dos colaboradores;
  • maior engajamento dos profissionais com os resultados da empresa;
  • melhoria do clima entre as pessoas;
  • redução de custos — demissões e contratações trazem gastos para o negócio.

O que gera muito dúvida entre os gestores está justamente no modo como isso pode ser executado. Confira algumas dicas:

  • estabeleça metas que sejam reais;
  • invista na capacitação de seus profissionais;
  • crie um ambiente de trabalho que seja propício para a sua motivação;
  • estimule continuamente os colaboradores com bonificações que caibam em seu orçamento;
  • estabeleça metas reais.

4. Invista em produtos de qualidade

A partir do momento que você conheceu e entendeu quem é o seu público, você tem dados suficientes para avaliar se os seus produtos de fato estão atendendo às expectativas dele. Analise o seu mix atual e faça até mesmo uma pesquisa de satisfação com as pessoas que frequentam continuamente o seu negócio.

Clientes fidelizados tendem a oferecer feedbacks mais sinceros. Se você perceber que existe aquele grupo de pessoas que frequentemente consome os itens oferecidos, ofereça um pequeno questionário — nada muito extenso para que os dados colhidos sejam objetivos e que as decisões a serem tomadas precisas. Entre as perguntas, ofereça a opção de eles argumentarem se estão satisfeitos com o que você oferece, além de apresentar sugestões.

O ideal é buscar por fornecedores que tenham tradição no mercado, que sejam conceituados entre os seus concorrentes, além de oferecer diversificação em seu portfólio.

5. Escolha bem os fornecedores

Por falar em fornecedores, não podemos deixar de reservar um tópico apenas para eles! Para uma escolha eficaz, é preciso muita pesquisa. Analise aqueles disponíveis, faça orçamentos, avalie também o atendimento e a qualidade do que é oferecido. Aqui, é necessário ter atenção quanto ao custo-benefício. Não opte por aquele que tenha um valor bem abaixo do mercado se a qualidade não for compatível com o que você coloca para venda.

No ramo de alimentos, o gestor precisa experimentar o que é oferecido, fazer perguntas, buscar nas redes sociais o que outros negócios dizem sobre aquela empresa — e verificar até mesmo em sites de reclamação, como o Reclame Aqui!, quais foram as percepções de outras pessoas com aquela marca.

6. Foque em inovação

Implantar inovação em um negócio, independentemente do ramo de atuação, vai contribuir não apenas para aumentar a rentabilidade, como também para que o seu nome seja destaque positivo no mercado. Quando se fala nesse conceito, muita gente logo associa com o fato de investir em tecnologia. Também pode ser, mas é muito mais do que isso.

Inovar em uma empresa significa que o gestor tem a capacidade de sair de sua zona de conforto, de modo que saia na frente dos concorrentes e consiga resultados superiores do que os habituais. Como vantagens, pode-se destacar:

  • maior participação no mercado;
  • atração e fidelização de clientes;
  • possibilidade de ser estável, independentemente do período do ano;
  • valor mais positivo ao que é oferecido;
  • vendas mais efetivas e maior lucratividade.

Neste conteúdo, você pôde entender algumas estratégias a serem adotadas de como aumentar a rentabilidade do negócio. Além de tudo isso, eliminar algumas práticas comuns dos gestores é o mais indicado, como o fato de não envolver os profissionais nas ações adotadas, não acompanhar continuamente o fluxo de caixa, além de não buscar por ações que são efetivas na concorrência. Seguindo os passos apresentados e deixando de lado essas questões negativas, certamente os resultados serão positivos.

Mas lembre-se, sempre, de melhorar a satisfação de seus clientes. Para isso, é preciso estabelecer ações que contribuam para fidelizar clientes. Continue no blog e saiba quais!

Você também pode gostar

Deixe uma resposta

-