Veja 5 ações para evitar gastos desnecessários no restaurante

Veja 5 ações para evitar gastos desnecessários no restaurante
4 minutos para ler

Donos de empreendimentos do setor alimentício, como restaurantes, devem ter sempre em mente dicas de gestão para impedir que gastos desnecessários comprometam seus resultados. Afinal, existem algumas ações simples que podem ajudar a evitar desperdícios e diminuir custos.

Toda a cadeia de suprimentos de um restaurante, se gerenciada sem acesso ao conhecimento certo, pode culminar em um fluxo de caixa irregular. Por isso, saber como reduzir custos, erros e retrabalhos são os primeiros passos para otimizar as finanças.

Se você deseja saber mais sobre a redução de gastos desnecessários, não deixe de conferir este artigo!

Quais são as 5 ações que ajudam a evitar gastos desnecessários no food service?

Food services e restaurantes podem gerar enormes gastos desnecessários se não houver cuidado por parte dos líderes e colaboradores. A entrada e saída de alimentos, estoque, funcionários destreinados e demais questões — que serão abordadas abaixo, são exemplos disso. Confira!

1. Ter bons fornecedores

Contar com bons fornecedores é uma das melhores formas de evitar gastos desnecessários. Afinal, eles são parte fundamental do processo de aquisição, estoque e venda de produtos, além de atuar indiretamente na construção de bons relacionamentos com o cliente — o que evita gastos com gestão de crise e preserva a boa imagem da empresa.

Ao contar com produtos de qualidade, especialmente os congelados — que são comuns nos restaurantes —, custos com suprimentos, mão de obra, instrumentos e equipamentos são minimizados, uma vez que não é preciso focar a produção dos itens, mas sim sua distribuição. Da mesma forma, a distribuição se torna mais simples de ser feita e promove eficiência ao oferecer qualidade garantida para o target.

2. Fazer parcerias

Parcerias de sucesso também reduzem gastos desnecessários de maneira expressiva. Afinal, além de permutas que podem ser vantajosas para ambos os lados, bons parceiros também podem oferecer serviços de alto padrão com custos reduzidos e ajudar você a aprimorar sua visibilidade e alcance. Além disso, eles podem auxiliar a empresa em momentos de crise e evitar que grandes gastos em busca de soluções sejam empregados.

3. Alinhar a equipe

Uma equipe desalinhada com os valores de seu restaurante tem tudo para gerar enormes e dispensáveis gastos. Erros na produção, na estocagem, retrabalhos, mau atendimento ao cliente e pouca atenção a detalhes são apenas alguns exemplos disso. Ofereça treinamento e capacitação aos seus colaboradores e mitigue custos desproporcionais ao seu orçamento.

4. Evitar o desperdício de alimentos

Desperdiçar alimentos é algo que não só vai contra todas as práticas de sustentabilidade empresarial, mas que também gera enormes gastos que não precisariam ocorrer caso a gestão de pedidos e de estoque fosse executada com maior atenção. A gestão de suprimentos, inclusive, é uma das melhores formas de impedir o desperdício.

5. Controlar o estoque

Bons gestores sabem que os alimentos que entram e saem de um food service não o fazem apenas por demanda. Existe toda uma gestão por trás desse processo — que deve ser otimizado para que a quantidade ideal de estoque esteja disponível por um período predeterminado no planejamento.

Isso é chamado de gestão de estoque e maximiza o uso dos recursos da empresa. Além de todos os pontos citados, a importância de não comprometer a qualidade dos alimentos e do serviço oferecido para reduzir custos deve ser levada a sério.

Una todos os aprendizados obtidos neste artigo na hora de comprar produtos congelados para seu restaurante, evite gastos desnecessários e garanta resultados que realmente otimizem o orçamento da empresa!

A Oyshi é parceira de muitos restaurantes no quesito fornecimento de congelados! Conheça toda nossa linha!

Você também pode gostar

Deixe uma resposta

-