Não sabe como ter um diferencial competitivo? Veja 5 dicas ideais!

4 minutos para ler

Já parou para pensar sobre o que leva os clientes a preferirem comprar de você, ainda com uma diferença de preço e mesmo que tenham tantas ofertas da concorrência? Pois é o diferencial competitivo! Aliado a um conjunto de atributos, esse fator é o que torna sua empresa única na visão do cliente.

Um bom diferencial competitivo é o motivo pelo qual algumas marcas se mantêm fortes e vendendo bem, mesmo em períodos de crise. Por essas e outras, é preciso sempre buscar (e praticar, claro) alguns fatores diferenciadores com o objetivo de aumentar as vendas e atrair mais compradores.

Ao longo deste post, apresentaremos 5 dicas para sua empresa conquistar o tão sonhado diferencial competitivo. Continue a leitura e confira!

1. Identifique pontos fortes e fracos

Ao identificar tanto os pontos fortes como os pontos fracos do negócio, você conseguirá destacar tudo aquilo que é realmente importante para seu público e que já está em prática, mas também terá a chance de enxergar o que ainda precisa ser aprimorado. Uma visão melhor deste conceito, seria avaliar aquilo que agrega valor (AV) e o que não agrega valor (NAV) ao seu cliente. Se tudo isso for trabalhado corretamente, esses destaques podem vir a ser grandes diferenciais competitivos!

2. Invista na motivação e qualificação da equipe

Com tantas empresas vendendo mais ou menos os mesmos produtos no mercado, é fundamental investir no fator pessoal. Quando os funcionários são apaixonados pelo que fazem e realmente vestem a camisa do negócio, isso transparece em forma de diferencial na postura de trabalho.

Além da motivação, porém, também é preciso garantir a qualidade dos serviços prestados. Na hora de contribuir com a gestão de logística, por exemplo, os colaboradores devem tomar alguns cuidados, redobrando a atenção para que tudo saia no mínimo conforme o esperado. Se os profissionais envolvidos não tiverem interesse ou não tiverem o conhecimento necessário para fazer a diferença, provavelmente ficarão somente no básico. E convenhamos que o básico não costuma fidelizar clientela.

3. Foque no bom atendimento

Para ter um diferencial competitivo também é essencial criar ações no intuito de superar as expectativas dos clientes. Um time que conhece a fundo todos os produtos da marca saberá dar explicações qualificadas a ponto de convencer as pessoas a fecharem pedidos. Outra maneira eficiente de prestar um bom atendimento é estar sempre disponível, deixando isso bem claro durante a experiência de compra do cliente.

4. Priorize a experiência do cliente

Oferecer uma boa experiência de compra vai além de prestar um bom atendimento. Tenha em mente que as pessoas estão em busca não apenas de preço, mas também de qualidade, de processos ágeis e entregas que vão além do esperado. Para tanto, procure entender as dores do cliente que seu negócio já é capaz de solucionar. Não se esqueça: um diferencial competitivo não é aquilo que salta aos olhos do empreendedor, mas sim o que chama atenção na visão do público consumidor.

5. Ofereça apenas produtos de qualidade

Cada vez mais, é preciso procurar alternativas para se destacar em meio a um mercado tão concorrido, não é mesmo? E isso não é diferente para o ramo alimentício! Se o negócio é pequeno e não tem condições de lucrar com a venda de grandes quantidades, por exemplo, nada melhor que buscar se destacar pela qualidade do produto.

Para fechar este conteúdo com chave de ouro, preste bastante atenção agora a alguns erros que você deve evitar a todo custo ao procurar por um diferencial competitivo: impor sua marca, diminuir seu preço e pensar apenas na captação de novos clientes. Anotado?

Se você gostou deste post, aproveite para aprender também sobre como fidelizar clientes!

Você também pode gostar

Deixe uma resposta

-